Pinturas faciais Maori

Michael Bradley é um fotógrafo de Auckland, Nova Zelândia, seu projeto mais recente é intitulado Puaki. Ele apresenta o povo Maori seus suas pinturas faciais. E não pense que é apenas outro projeto utilizando Photoshop, a técnica usada pelo Michael é muito mais original.

Quando os europeus fotografavam o povo Maori na década de 1850, notaram que as pinturas pareciam invisíveis nas fotografias. Isto deve-se ao método chamado fotografia de placa molhada. Certas tonalidades de cores parecem desaparecer na pele mais escura, e foi isso que deu ao fotografo a ideia de começar o projeto. A série de registros chama atenção para o tã moko – a antiga arte maori de pintura facial e corporal. A arte de tã moko parece ter passado por um renascimento nos anos 90 e o projeto mostra como uma cultura apagada pelos colonizadores pode retornar contra todas as probabilidades.

Fonte: https://zupi.co/

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s